Quina do Futuro: uma Taberna Japonesa no Recife

O Quina do Futuro é um restaurante memorável no Recife-PE, capaz de transportar a gente para uma atmosfera completamente asiática, especialmente por sua culinária japonesa. A taberna começou como pastelaria e acumula mais de três décadas de história, com opções do clássico ao fusion no cardápio atual. As preparações têm assinatura do Chef André Saburo Matsumoto, “Sushiman do Ano” 2018 e 2019 pela Prazeres da Mesa. A casa funciona de segunda a sábado, para almoço e jantar, no bairro dos Aflitos.

Maguro Tartare (R$62,60)

Atum e Saburó estão intimamente ligados à culinária nipônica, sendo referência em sushis, sashimis e outros preparos com esse tipo de peixe. Parte desse talento foi herdado de seu pai, Shigero Matsumoto, fundador do Quina do Futuro. O Maguro Tartare é um exemplo dessa excelência, combinação elaborada a partir de cubos do mais nobre dos atuns com cebolinha, pepino e ovas de massago. O molho levemente apimentado que guarnece o prato envolve todos os sabores numa harmonização que derrete na boca.

Surpreender não deixa de ser uma das premissas do restaurante, que elabora criações únicas não integrantes do menu oficial da casa. Como bom potiguar, uma seleção especial de peças com camarão não poderia faltar na experiência: seis unidades do crustáceo com raspas de limão e broto de alho – maçaricados – envoltos em salmão defumado. Ainda acompanha folhas de shisô com aioli de missô (massa de soja) e molho de ostra. É incrível. Diversas texturas e sabores numa combinação “exótica” e levemente agridoce, com frescor único. Uma das melhores coisas que já comi na vida.

Sushi Degustação 8 peças (R$76,90)

Os combinados são uma forma de provar um pouco de cada coisa e garantir um mini banquete variado, individual ou para compartilhar, de 8 a 30 peças. A seleção degustação é montada com sushis especiais, escolhidos pelo sushiman de acordo com a oferta de insumos do dia. Salmão com vieira candense, atum com tartar maguro, enguia cabayaki e ovas de salmão é uma das possibilidades.

O atum e o salmão são clássicos, com elementos já conhecidos dessa culinária como vieira e ovas. Os demais têm base de arroz, sabor forte e característico “do mar”. A enguia grelhada, é um peixe com presença acentuada, salgada e percepção palatável curiosa. As ovas agradam um bom apreciador de caviar pela semelhança, mas vale provar. Uma Caipisakê de Lichia (R$24,50) pode ser um bom acompanhamento para beber.

Tempura de Sorvete (R$21,80)

As sobremesas, em boa parte, têm sorvete na composição e alguma fruta. O Yokan é uma opção à base de doce de feijão japonês com textura de goiabada também disponível no restaurante. No Quina do Futuro o Tempura (sorvete frito) ganha calda de chocolate e toque crocante de castanha em uma apresentação de comer com os olhos.

Taberna Japonesa Quina do Futuro

R. Xavier Marquês, 134. Aflitos. Recife-PE;

Funcionamento: de segunda a sexta-feira das 11h30 às 15h para almoço, 18h às 23h para jantar; sábado das 12h às 15h30 para almoço e 18h às 00h para jantar;

Pagamento: à vista, crédito e débito;

Telefone: +55 (81) 3241-9589

*Escrito após convite do Chef André Saburó

Restaurantes

Deixe uma resposta